O que faz um biomédico e o que esperar desta profissão?

estudar na FTC
Veja 5 motivos para estudar na FTC
8 de Fevereiro de 2018
salário da Engenharia Elétrica
Como é a profissão e qual o salário da Engenharia Elétrica?
15 de Fevereiro de 2018
O que faz um biomédico

Você se interessa pela área das Ciências Biológicas? Sabe o que faz um biomédico? Veja e descubra se essa profissão é feita para você!

A Biomedicina é a área das Ciências Biológicas voltada para estudos na área de saúde, pesquisando doenças, suas causas e formas de tratamento – como próprio nome sugere, é uma carreira situada entre a Biologia e a Medicina.  Nesse artigo, você verá o que faz um biomédico, como funciona a graduação, e como é a atuação desse profissional.

 

O que faz um Biomédico?

O biomédico identifica, classifica e estuda os agentes causadores de enfermidades para, a partir daí, desenvolver ou aprimorar os meios de combatê-los.

É ele que dá informações aos médicos sobre fungos e bactérias que causam patologias, podendo trabalhar em hospitais, universidades, centros de pesquisa, laboratórios públicos e privados, órgãos públicos de saúde, entre outros.

É uma profissão que vem ganhando mercado a cada ano, possibilitando boas opções de emprego, seja no setor privado ou no setor público. Quer entender melhor como funciona o curso? Acompanhe a leitura.

 

Como funciona a graduação em Biomedicina?

O curso de Biomedicina é regulamentado desde 1979 e tem o objetivo de formar um profissional habilitado para lidar com a prevenção, promoção e proteção da saúde para a sociedade.

A graduação em Biomedicina tem habilitação em bacharelado e, no geral, dura 4 anos. O foco das disciplinas é na área da Saúde e a carga horária é intensa, devido ao conteúdo extenso, voltado para Anatomia, Fisiologia e Genética.

Durante o curso, o aluno é preparado para entender as causas e maneiras de curar as mais variadas doenças, sento estimulado a participar de seminários e desenvolver trabalhos científicos.

Nas unidades da FTC em que o curso é ofertado (Feira de Santana, Vitória da Conquista, Itabuna e Jequié), o estudante pode escolher a área em que deseja especializar-se, como análises clínicas, hematológicas, citológicas e moleculares, reprodução humana assistida (fecundação in-vitro), imagens, dentre outras opções.

O começo do curso apresenta áreas teóricas de disciplinas como Fisiologia e Bioquímica. Mais à frente, são realizadas práticas em laboratórios, em uma matriz curricular que inclui diversas matérias e estágios capazes de aproximar o estudante de sua área de atuação profissional. Confira algumas disciplinas da nossa grade curricular:

  • Saúde Coletiva
  • Anatomia Humana
  • Química Geral
  • Bioquímica
  • Imunologia
  • Genética Molecular
  • Patologia Geral
  • Parasitologia Humana
  • Hematologia e Banco de Sangue

Além da teoria, na FTC o aluno aprende o que faz um biomédico na prática. O curso dispõe de quatro áreas de estágio: Citopatologia, Análises Clínicas, Imagem e Acupuntura. Na prática, o estudante terá responsabilidade técnica por laudos e pareceres; produção, análise, comércio e responsabilidade técnica de bioderivados; análise por imagem por meio de tomografia e ressonância magnética; também é possível exercer a docência no ensino médio, profissionalizante e universitário.

Esse diferencial oferece opções ao aluno e dá a ele a chance de crescer no mercado de trabalho, que está cada vez mais em expansão.

 

E o mercado de trabalho?

Como dito anteriormente, o mercado de trabalho em Biomedicina está em constante expansão, além de ser bastante amplo. Atualmente, a demanda maior é para áreas de pesquisa genética e reprodução humana, mas o biomédico pode trabalhar em laboratórios, clínicas e hospitais, realizando análises clínicas ou diagnósticos por imagem. Também há a opção da carreira acadêmica, por meio de cursos de pós-graduação, possibilitando ao profissional dar aulas em instituições de Ensino Superior.

De acordo com pesquisas, mais da metade dos biomédicos brasileiros trabalha em laboratórios de análises clínicas. Outras áreas de atuação bastante populares na área são clínicas de estética, hospitais, bancos de sangue, institutos de pesquisa, indústria farmacêutica e alimentícia, universidades e órgãos públicos.

Um ramo recente e que tem crescido em demanda é a da bioinformática, campo do conhecimento que usa recursos computacionais para construir modelos de moléculas que compõem os seres vivos.

Confira o que faz o biomédico em alguns campos de atuação:

  • Análises Clínicas: trabalha em laboratórios e hospitais, realizando exames clínicos e assinando laudos para identificar agentes causadores de patologias.
  • Análise Ambiental: O biomédico faz análises físico-químicas e microbiológicas para saneamento do meio ambiente, inclusive de água e esgoto.
  • Análises Bromatológicas: garante que não haja adulteração de alimentos, estudando suas propriedades, composição química e calórica, desde a produção até a coleta e transporte.
  • Anatomia: estuda a estrutura e a forma dos organismos.
  • Biofísica: utiliza conceitos da física para investigar os processos fisiológicos dos seres vivos.
  • Bioquímica: analisa o metabolismo dos animais e vegetais, verificando a composição química deles.
  • Biologia Molecular: atua nos processos de fertilização para reprodução animal e humano, pesquisando a estrutura e o funcionamento das moléculas de DNA e RNA, das proteínas e dos genes responsáveis pela transmissão dos caracteres hereditários.
  • Citologia: estuda a estrutura, a composição e as funções das células.
  • Biotecnologia: manipula substâncias e microrganismos para a industrialização de alimentos ou fabricação de medicamentos e cosméticos, entre outros produtos.
  • Embriologia: estuda a formação dos tecidos e órgãos animais, inclusive humanos.
  • Parasitologia: analisa os organismos animais e vegetais que sobrevivem à custa de outros.
  • Microbiologia: estuda microrganismos, como bactérias, vírus e fungos.
  • Diagnóstico por Imagem: realiza exames que possibilitem diagnóstico por imagens, como ressonância magnética e tomografa computadorizada.
  • Imunologia: o sistema de defesa do organismo humano para a produção de vacinas e medicamentos.

Estes são apenas alguns exemplos do que um biomédico faz, dada a amplitude das oportunidades do mercado. É comum que ele atue em equipes multidisciplinares, trabalhando em parceria com outros profissionais da saúde, como farmacêuticos, médicos, biólogos e bioquímicos.

Para exercer suas atividades em qualquer um dos ramos citados acima, o biomédico precisa obter o reconhecimento de habilitação na área em que atua, o que pode ser feito por meio de estágio, habilitação durante a graduação, pós-graduação, concursos e provas. Também é possível especializar-se em mais de uma habilitação, desde que se cumpra os requisitos do Conselho Federal de Biomedicina (CFBM).

A Biomedicina é uma profissão cheia de possibilidades para quem mantém o foco e a dedicação. Ficou com alguma dúvida sobre o que faz um biomédico? Analise suas possibilidades e veja se você se enquadra neste perfil de profissional. Visite a unidade da FTC mais próxima de você e inscreva-se no vestibular!

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *